Rotina de Vendas

6 dicas para ter sucesso no processo de contratação de vendas

Ao se candidatar para um processo seletivo de vendas interna, é necessária uma preparação para que tudo seja feito da melhor forma possível. Os seletivos ultimamente tendem a ser um pouco mais extensos, com diversas fases a serem concluídas, e muitas vezes o candidato tem o perfil, mas não tem paciência, tem a experiência mas não se preparou o tanto que poderia.

Então quais são os passos de uma preparação para um seletivo de vendas? Qual o perfil esperado de um vendedor interno?

 

Ao receber o e-mail de boas vindas ao processo seletivo, eles já começam a especificar alguns testes e conversas que serão feitas entre o candidato e a empresa, a partir daí deve começar a sua preparação.

Abaixo temos 6 passos importantes para te ajudar a garantir a vaga:

 

Conheça a empresa

É importante que você aprenda sobre a empresa, sua história, qual é o seu principal produto, quantidade de funcionários, os valores e a cultura da empresa, essas informações costumam estar no site. Informe-se também se possui um blog, leia alguns posts relacionados a área de interesse, anote suas dúvidas para perguntar na primeira entrevista. Estar interessado é sempre bom, em vendas precisamos abrir a frente, ir atrás para saber se o que queremos é também o que precisamos.

 

Respeite os prazos

Quando o recrutador te mandar um teste não passe do prazo estipulado por ele, se programe para fazer, concluir e entregar até a data e horário (se for especificado), isso mostra comprometimento, um ponto extremamente importante para sua contratação.

 

Estude

Se antes de alguma etapa te mandarem artigos e vídeos para sua preparação, leia e assista os vídeos, é importante, se não a empresa não mandaria. Escreva os pontos que achar interessantes, volte os vídeos e anote o que foi falado, e se tiver alguma dúvida não se esqueça de perguntar.

 

Prepare-se

Antes da simulação, faça uma boa preparação, estude o caso que foi passado, treine com um amigo/parente ou até com você mesmo na frente do espelho. Faça ligações fictícias e grave para depois trabalhar algumas falhas que podem ocorrer como: tom de voz, confiança, silêncio constrangedor e etc. Escreva um script e repasse ele quantas vezes for necessário, observe o tempo máximo e os objetivos que precisam ser alcançados, e ao treinar, veja se está conseguindo atingi-los.

 

Simplifique

Na hora da simulação (role play) esteja bem preparado, mas não fique querendo mostrar termos técnicos, fale como se realmente fosse um cliente, simplifique os termos, o importante nessa fase não é o quanto você sabe do produto/ferramenta deles (isso você vai aprender ao ser contratado), mas o quanto você entende, tem empatia, poder de persuasão, e observou os requisitos passados no e-mail para atingi-los nessa conversa.

 

Seja honesto

Não aumente suas experiências e capacitações para parecer melhor, seja transparente com o recrutador e com você mesmo, explique de onde veio e para onde vai. Não tenha vergonha de falar dos seus defeitos, ninguém é perfeito, então não tente parecer que é. Lembre-se que muitas vezes quando te perguntam qualidades e defeitos é mais para saber se você possui um autoconhecimento.

 

Esses passos são importantes para que tudo corra bem durante o processo, tenha paciência em esperar as respostas, mas não tenha medo de mandar um e-mail pedindo um feedback caso ela demore para chegar.

Ser comprometido é essencial para qualquer trabalho, então esteja sempre atento aos seus objetivos e prazos.

Somos de vendas, nosso trabalho é ter empatia, ser determinado e persuasivo. Se você acha que a vaga pode ser sua, lute por ela.  

Marcadores:

Deixe seu comentário