Rotina de Vendas

Porque a meditação pode te ajudar a vender mais

Já são 15 horas da sexta-feira, dia 30 do mês. Você está esgotado, já absorveu tanta informação que não consegue mais fazer absolutamente nada. Uma simples tarefa que deveria durar minutos passa a durar horas. Você se sente improdutivo quando percebe que está nas últimas horas do último dia do mês e ainda não bateu sua meta, parece que o tempo passou voando e você não conseguiu dar conta de metade dos jobs que deveria finalizar. Este cenário te parece familiar?

Todos nós, vendedores, sabemos como é trabalhar sob pressão: muitas atividades, reuniões com clientes de contextos totalmente diferentes e metas agressivas, bem-vindo a nossa área!

Para que possamos performar bem, precisamos ir além da técnica na hora da ligação, temos que entender nossas limitações e ter técnica também na vida. Ter o domínio da mente é uma das melhores ferramentas que o vendedor pode ter ao seu dispor para ser mais produtivo e assertivo. Nesse texto eu vou te contar as 5 razões de como a meditação pode te ajudar a vender mais, mantendo sua saúde física e mental.

Segundo o National Institute for Occupational Safety and Health (NIOSH), nos Estados Unidos as empresas gastam cerca de $200 bilhões de dólares por ano com absenteísmo, perda de funcionários talentosos e lentidão. Cerca de 70% a 90% das visitas de funcionários a hospitais têm relação com estresse, que é o maior problema de saúde no trabalho. Estar bem consigo mesmo é uma ótima vantagem competitiva para você, vendedor empenhado que quer performar bem e ver seus números bem acima das metas.

Já faz algum tempo que a meditação deixou de ser uma prática exclusiva do oriente. Desde a década de 1960, executivos já a utilizavam como válvula de escape para a pressão do dia-a-dia. Hoje a prática é amplamente adotada, com aplicativos que ajudam a criar o hábito e guiar os iniciantes. Com a adesão, vários estudos científicos foram publicados, embasando os benefícios de parar por alguns instantes no dia para não fazer “nada”, estes são:

 

  • Redução do Estresse e da Ansiedade

 

Meditar é mais repousante que dormir, enquanto meditamos nós consumimos 6 vezes menos oxigênio do que quando dormimos. Pessoas mais experientes na meditação conseguem relaxar tanto a mente ao ponto que seu cérebro passar a funcionar em ondas theta (mesmo nível de atividade cerebral de quando nós estamos dormindo).

Fora o fato da meditação ser uma experiência relaxante, quando meditamos passamos a ter consciência das nossas emoções, como se as assistíssemos em uma televisão. Isso nos faz refletir sobre nossas atitudes, encontrar soluções para nossos problemas e levar a vida de uma forma mais leve e sábia.

Estudos mostram uma diminuição significativa na atividade da amígdala cerebelosa de voluntários que estavam em estado meditativo. A amígdala é a região do cérebro responsável pelas emoções, com a prática da meditação, foi identificado uma redução de 39% nos níveis de ansiedade dos voluntários.

  1. Ajuda a focar no momento presente

Cada call é única, cada cliente tem seus problemas e objetivos que diferem de todo o resto. Nós, vendedores, temos que ter uma habilidade fundamental: a capacidade de esquecer do mundo enquanto falamos com nosso cliente.

Sabe quando você vai ao médico (tem que ser um dos bons) e ele te dá toda a atenção que você precisa? Ele está focado em cada palavra que você diz, ele quer entender o teu problema e chegar na solução que você precisa para se livrar do que te incomoda, parece que o mundo dele é aquele momento, aquela consulta. Você sai do consultório se sentindo bem, pois o médico te deu atenção; confiante, pois ele entendeu o seu problema e porque a solução que ele te propôs vai te curar.

Nós temos que ser como esse médico. Aquela call é nosso mundo, foco total, nada pode passar despercebido. Dessa forma, o cliente vai se sentir lisonjeado e você vai estar atento a todas oportunidades de encaixar sua proposta de valor nas dores dele.

  1. Controle emocional

Não há nada mais chato do que chegar a uma loja e ser mal atendido, porque a vendedora estava de mal-humor no dia, não é mesmo? Claro, todos nós somos humanos e temos nossos dias ruins, mas, para manter um ambiente de trabalho produtivo e saudável, precisamos agir como profissionais e deixar nossos problemas da porta para fora.

A sua call não pode ser afetada por seus problemas pessoais, e a melhor forma de impedir que isso aconteça não é esquecendo que eles existem – alguma hora você não vai ter mais como deixá-los de lado e vai acabar explodindo.

Encare seus sentimentos de frente, gerencie eles. A meditação pode te ajudar a fazer isso. Estar bem consigo mesmo é a melhor forma de deixar o cliente a vontade na sua reunião.

  1. Gestão de tempo e produtividade

Sabe quando estamos com uma lista de atividades tão grande que não sabemos nem por onde começar? Aquilo nos angustia e acabamos sendo mais improdutivos ainda, acumulando tarefas e fazendo com que aquela lista nunca para de crescer.

Após uma sessão de meditação nós saímos mais presentes e com a mente limpa, isso nos permite ver com mais clareza nossas prioridades. Sabemos o que fazer primeiro e ficamos mais presentes na execução das nossas atividades, otimizando nosso tempo e sendo mais produtivos. Após enxergar o caminho que nós devemos seguir, aquele problemão passa a não parecer mais algo impossível de se resolver.

  1. Aumenta o desempenho

Após algumas semanas de prática meditativa, vários benefícios podem ser notados:

  • Incremento na atenção: foco melhorado
  • Menos divagação mental
  • Memória no trabalho aprimorada
  • Incremento na circulação dos circuitos cerebrais responsáveis pela empatia (ficamos mais sociáveis)
  • Marcadores de inflamação diminuem

Estudos com 235 alunos de colégios de Connecticut – USA que meditavam, mostram que a prática fez com que eles melhorassem suas notas em 15%.

Todos os pontos anteriormente falados reforçam este último: redução do estresse, aumento do foco, controle emocional e aumento da produtividade – esta é a receita certa para bater suas metas e ainda ter vida.

Comece aos poucos, 5 minutos por dia já farão uma grande diferença. Procure um lugar calmo, onde ninguém vá te incomodar, sente-se mantendo uma postura ereta e confortável, pode ser em uma cadeira se assim preferir – com os pés firmes no chão e as mão sobre as pernas. Não recomendo que faça deitado, pois a possibilidade de cair no sono é bem alta.

Tente focar na sua respiração, onde você sentir ela mais forte: narinas, traqueia, pulmão… onde preferir. Particularmente, eu gosto de escutar músicas calmas durante a meditação: procure por playlists de meditação no seu spotify.

Naturalmente sua mente vai se distrair e você vai se pegar pensando na reunião de amanhã. Não há problema, é assim que a mente destreinada se comporta. Tente não se chatear quando isso acontecer, apenas volte tranquilamente sua atenção para a respiração.

Com o tempo, você vai perceber que estará conseguindo manter o foco por mais tempo, atingindo estados mais profundos de meditação e relaxamento, logo você verá os benefícios que isso vai te trazer na sua vida pessoal e profissional.

Espero que tenha gostado das dicas, te desejo uma boa jornada de autoconhecimento! 😀

FONTES:

http://blog.opovo.com.br/yoga/a-meditacao-e-a-arte-da-produtividade-corporativa/

https://www.cartacapital.com.br/blogs/vanguardas-do-conhecimento/dados-cientificos-robustos-sobre-enormes-beneficios-da-meditacao

https://veja.abril.com.br/saude/meditacao-ganha-enfim-aval-cientifico/

http://estaremsi.com.br/conhecendo-suas-ondas-cerebrais-beta-alpha-theta-delta-e-gama/

Marcadores:

Deixe seu comentário